Pais brilhantes vivem dentro de famílias +

🎈Pais brilhantes vivem dentro de famílias + 🎈

Augusto Curry, psiquiatra, psicoterapeuta, cientista, escritor e investigador na área da qualidade de vida e de desenvolvimento da inteligência e muito mais. É também defensor da importância das experiências, muito mais do que “coisas”. 

É comum ver-se salas e quartos, dispensas e terraços cheias de brinquedos, crianças com mais roupa do que qualquer adulto, e os sapatos? Que loucura!!

É comum numa festa de anos haver embrulhos em cada canto, dum exagero fora do normal. Onde nem os pais sabem bem onde arrumar tanta… “coisa”. São “coisas” e mais “coisas”, umas sem jeito nenhum, outras com pouco jeito. Aliás, nestas festas não deveria existir um brinquedo sequer, para ver se as crianças se juntavam para brincarem juntas, sem recursos materiais. Um parque deve ser mais do que suficiente, um lugar onde possam fazer um jogo em conjunto, por exemplo. 
UNIREM-SE e não cada um com um brinquedo diferente, afinal nestas festas os amigos não deveriam ser eles os presentes ou os amigos são os que levam os presentes? Fico confusa. 

E mesmo assim, os pais lá vão comprar alguma “coisa”. Não vá eles acharem que os meus pais nem um presente me dão. 

Os pais pela partilha de experiências diárias, em conversas, por exemplo, assim como tudo aquilo que é dado diariamente (alimentação, roupa garantido o básico sem grandes exageros, amor, segurança – sim vale tudo o que é visível aos olhos e não), estão a enriquecer a vida dos filhos de forma muito mais efectiva e valiosa. 

E é preciso que eles, filhotes, valorizem isso, são riquezas profundas. Essas sim tesourinhos. O tempo bem aproveitado em conjunto, nem que seja aquela hora no dia, durante o jantar e preparação para ir para cama. Que seja recheado de harmonia e de histórias e de exemplos. 

As “coisas” não passam de “coisas”, as experiências ultrapassam qualquer “coisa”. 

Vamos viver +, sem “coisas”, focar naquilo que realmente importa. 

É desafiante? É necessário? É urgente? SEM DÚVIDA! 

Contem comigo para ajudar nesta Lei doida de Compensação, neste Síndrome da Felicidade Constante, neste consumismo de ter mais e mais, que nós entrámos e parece estar difícil conseguir sair.

Um dia feliz, cheio de experiências para todos!
www.carolinavalequaresma.com

FAÇA ACONTECER, AGORA!

MARQUE UMA SESSÃO DE AVALIAÇÃO, É GRÁTIS!
MUDE A SUA VIDA FAMILIAR!

MARCAR SESSÃO GRÁTIS

Psss! Desculpe interromper...

Entre na minha lista para receber ajudas, guias e inspirações.

Li e aceito a política de privacidade

Boa! Subscrição efetuada. Obrigada.