Treino do sono NÃO É deixar chorar!

 

sono artigo

Queridos Pais,

Vamos lá ver se nós nos entendemos, o treino do sono NÃO É deixar chorar, está bem?

Esta semana, uma “família das minhas” (que eu orgulhosamente ajudei a que a criança dormisse muito bem e dorme!) enviou-me uma mensagem a dizer que tinha sido esta semana duramente criticada por uma amiga, porque a família dela USUFRUIU desta ajuda maravilhosa, que faz com que os bebés e pais durmam bem e tenham o descanso que precisam e merecem! Depois ainda lhe fez chegar um artigo de bradar aos céus sobre os 10 motivos para não deixar o seu bebé chorar… até adormecer.

Já li vários destes. Até me imagino num debate com estas pessoas. Quando os leio fico com o coração acelerado e começo a ficar irritada, confesso, normalmente, a partir do segundo parágrafo do texto. Este não foi excepção, pelo contrário. Este  foi, para mim, particularmente…mau! Eu respeito a opinião dos outros, mas achei que este foi excessivamente mal construído, mal argumentado. Na minha cabeça, lá surgem uns tantos argumentos contrários ao que ali estava a ser dito. Mas é mesmo isto, não é? Para tudo há os prós e os contras…

Entretanto, acabei o dito artigo e penso “tenho de tratar de esclarecer aqui uma série de situações e até acusações que neste artigo são feitos. Não há quem goste mais de crianças e bebés do que eu e se a ideia é fazer-me/nos sentir terríveis… desculpe! Mas não conseguiu!

Sei e tenho a consciência perfeita que o treino do sono (como lhe chamam) muda vidas de famílias… para MUITO MELHOR! Salva famílias do divórcio iminente, salva mães em cansaço extremo, sanidades mentais e bebés que não comem bem, não estão bem porque não dormem, pelo menos o que necessitam!

Ainda assim o que há aqui a esclarecer é mesmo: treino do sono NÃO É deixar a criança a chorar e ponto. 

Fazemos muito mais do que isto. Percebemos se o bebé/criança são saudáveis, depois avançamos com toda a segurança de que ele precisa de novos hábitos e rotinas para ser mais feliz.

Comparo tanto com a ida para a creche. Nem sempre o processo é smooth, fácil e relaxado, mas faz parte e compensa… muitas vezes, é NECESSÁRIO e só faz bem! Tão bem!

Mesmo com as lágrimas derramadas (por eles) e pelo vosso coração pequenino desistem da ida para a creche, porque ele ficou em prantos? Ou tentam arranjar soluções para que tudo corra melhor? Mentalizando-se de que ele está no sítio certo e ele precisa disto e vocês também e que tudo ficará bem? Têm a noção que a adaptação a novos espaços, novas caras, novos amigos é mesmo assim, mas depois… depois ele fica bem! Não é?

É a mesma coisa, mas neste caso, a vossa vida passa a ser um sonho e um descanso. Só quem já passou sabe a diferença que faz um bebé que dorme sem dramas! Mas vocês desse lado, poderão imaginar o que seria, dormirem todos bem aí em casa. Acordarem felizes e bem dispostos, com o volume de paciência no auge, sem dramas, a comer bem, a crescer saudável. Até as relações fortalecem… todas elas.

Bom, mas vamos voltar ao cerne da questão: Não, o treino do sono NÃO É deixar o bebé a chorar. 

Depois de perceber que o bebé é saudável, vamos então perceber as dinâmicas familiares, criar uma rotina adequada e técnicas a essa família e bebé.

Os pais precisam de estar confiantes e seguros o mais que conseguirem (mas isto trabalha-se também).

Quanto ao choro. Se eles vão chorar? Muito provavelmente sim, mas não é porque vocês lhes estão a fazer mal, a abandonar, a mal tratar. Na maior parte do tempo estarão com eles, a ensinar-lhes (função e responsabilidade dos pais!) aquilo que mudará a sua vida para sempre e para tão melhor! Em muitos casos, não choram, reclamam. Noutros casos nem isso.

Costumo dizer quando eles reclamam e choram (sim aqui também começamos e aprendemos a diferenciar os tipos de choro!), que têm filhos inteligentes e atentos. Que percebem  que querem e que se ontem tiveram uma coisa, o mais normal é que comuniquem, dizendo aos pais o que querem e a fazerem-se ouvir.

Não! Os pais que fazem isto não são egoístas e só pensam neles e só querem dormir. Não! Querem o melhor para eles e para os seus filhos… para a sua família. Bem hajam a estes pais conscientes daquilo que os está a destruir e têm esta capacidade!

Até porque quando uma mãe, p. ex., adormece o bebé ao colo para facilitar, para ele adormecer e o deita na caminha, sem ele dar por nada, e ele acorda aos gritos, por não saber onde está – Isto sim parece-me violento! O bom senso não me diz que este é o caminho… 

Há quem diga que eles precisam de adormecer ao colo, porque precisam do colinho da mãe, é um aconchego que nunca que lhes poderá ser negado, uma necessidade do bebé, então eu pergunto: e aqueles que adormecem com os pais, tia, amigo, até desconhecido nem interessa, com o embalar dentro de um carrinho?

Esta criança terá exactamente o mesmo comportamento de uma que adormece ao colo – não fará boas sestas (acordará a cada 45 min), terá muita dificuldade em adormecer e acordará de hora em hora durante a noite… Vêem onde quero chegar? A necessidade do bebé para dormir ou voltar a adormecer não é concretamente o peito ou colo da mãe, mas sim, aquilo que nós o fomos ensinando. É uma aprendizagem que lhe passamos em como para ele adormecer é dessa forma. Não passa disto!

Isto só se consegue se eles adormecerem INDEPENDENTES! 

Talvez este artigo vos possa interessar: https://carolinavalequaresma.com/2018/04/24/10-motivos-para-ensinar-o-meu-filho-a-adormecer-sozinho/

Estas muletas e hábitos é o que é necessário alterar para que eles aprendam com a nossa ajuda como dormir bem, como ter sono profundo e como acordar durante a noite e voltar a dormir sem ter de chamar, pela mãe, pelo carrinho, pela maminha, ou pelo leite…

Ah! Até porque existem muitos pais que dizem “Carolina precisamos de 2h para o adormecer” e ele não se cala de maneira nenhuma mesmo no colo” (dá a ideia que os bebés só choram quando estão a fazer treino do sono. Não é verdade! Mas vocês aí em casa tenho a certeza que sabem do que estou a falar.

As consequências de um bebé que não dorme são devastadoras em todo o seu crescimento. Quanto às birras que eles fazem porque não conseguem dormir… pais, será (e espero que sejam) só o início. Eles farão várias ao longo das suas vidas e a solução NUNCA SERÁ fazer-lhes a vontade para que parem com elas. Isso só reforçará a importância e o efeito da birra.

Veja um dos LIVES sobre o tema aqui:  https://www.facebook.com/carolinavalequaresma/videos/307494213134116/ 

Obrigada pais por me ouvirem. Espero que este artigo vos tenha dado força para que não se deixem abalar, nem ficar com peso algum na vossa consciência, por aquilo que já fizeram ou vão fazer por vocês e pelos vossos filhos. Tenho um respeito enorme por vocês.

 A mãe que me enviou este artigo e que foi criticada, disse que apesar de tudo isto de nada se arrepende do que fez. A vida mudou para melhor e para todos lá em casa. 😀

Abracinho apertadíssimo,

Carolina ♥

 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s